"Somos todos viajantes de uma jornada cósmica, poeira de estrelas, girando e dançando nos torvelinhos e redemoinhos do infinito. A vida é eterna. Mas suas expressões são efêmeras, momentâneas, transitórias." Deepak Chopra

domingo, 24 de junho de 2007


Sempre que admiro esta imagem imagino sábias são as leis da natureza...
Certamente regidas por uma força superior, inteligência maior, presentea-nos com estes espetáculos espontâneos e surpreendentes. Poucos ainda tem o alcance de olhar e enxergar!!!
Salve Zambe, Tupã, Olorum, e todos os orixás, em especial minha mãe Yemanjá!

Nenhum comentário: