"Somos todos viajantes de uma jornada cósmica - poeira de estrelas, girando e dançando nos torvelinhos e redemoinhos do infinito. A vida é eterna. Mas suas expressões são efêmeras, momentâneas, transitórias. " Deepak Chopra

segunda-feira, 20 de junho de 2011

É um perigo! Quem viver, verá...

Essa eu não poderia deixar de replicar... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


Outro dia estava no mercado quando vi, no final do corredor, um amigo da época da escola que não encontrava há séculos. Feliz com o reencontro, me aproximei já falando alto: -Oswaldo, sua bichona! Quanto tempo!!!!
Fui com a mão estendida para cumprimentá-lo. Percebi que o Oswaldo me reconheceu, mas antes mesmo que pudesse chegar perto dele só vi o meu pulso sendo algemado.
Você vai para a delegacia! – Disse o policial que costuma freqüentar o mercado.
Eu, sem entender nada, perguntei: - Mas o que foi que eu fiz?
HOMOFOBIA! "Bichona" é pejorativo, o correto seria chamá-lo de "grande homossexual".
Nessa hora, antes mesmo de eu me defender, o Oswaldo interferiu tentando argumentar: -Que é isso doutor? O "quatro-olhos" aí é meu amigo antigo de escola, a gente se chama assim na camaradagem mesmo!
- Ah, então você estudou vários anos com ele e sempre se trataram assim?
- Isso doutor, é coisa de criança!
Aí o policial já emendou a outra ponta da algema no Oswaldo: - Então você está detido também.
Foi minha vez de intervir: - Mas, meu Deus, o que foi que ele fez?
BULLYING! Lhe chamando de "quatro-olhos" na escola, por vários anos consecutivos.
Oswaldo, então, se desesperou: - Que é isso, seu policial? A gente é amigo de infância! Tem amigo que eu não perdi o contato até hoje. Vim aqui comprar umas carnes para um churrasco com outro camarada que pode confirmar tudo!
Foi nessa hora eu vi o Jairzinho Pé-de-pato chegando perto da gente com 2 quilos de alcatra na mão. Eu já vendo o circo armado, nem mencionei o "Pé-de-pato" para não piorar as coisas, mas ele, sem entender nada, ao ver o Oswaldo algemado já chegou falando: - Que porra é essa, negão? O que é que você aprontou aí?
Não teve jeito. Fomos os três parar na delegacia e hoje estamos respondendo processo por HOMOFOBIA, BULLYING e RACISMO.

Moral da história: Nos dias de hoje é um perigo encontrar velhos amigos


Nenhum comentário: