"Somos todos viajantes de uma jornada cósmica - poeira de estrelas, girando e dançando nos torvelinhos e redemoinhos do infinito. A vida é eterna. Mas suas expressões são efêmeras, momentâneas, transitórias. " Deepak Chopra

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Uttara Gita - Ada Albrecht


O Homem é Deus (Tat Vam Asi).

É necessária uma luz para encontrar um objeto perdido numa sala escura, porém, uma vez encontrado, já não é mister a luz; assim, ao descobrir, com a tocha da sabedoria, o objeto do supremo conhecimento entre as ilusões de Maya, que o cobrem, desnecessário torna-se o conhecimento.

Só quando a mente fica livre de toda paixão e desejo é que termina a idéia de dualidade. Quando surge aquele estado de Advaita, pelo qual se sente tudo em um e um em tudo, então mora nos supremos pés de Brahma.

Ut: elevação, cume.
Gita: canto, canção.

Por que e para quê o homem peregrina no mundo?
. Para conquistar a liberação da vida, e da morte
. Vem para conquistar sua própria eternidade.
. Descobrir-se como o que é: o ATMA, ou seja, a Essência divina, idêntica a Deus.

Nenhum comentário: